Tuesday, 28 June 2011

Na palma da mão [Lightness]

...talvez o dia se aconchegue, meigo,  na palma da minha mão.
E me apague esta vontade de punho cerrado.

Monday, 27 June 2011

Montanha azul [Blue mountain]

Amanhã faço de conta que existe uma montanha azul 
onde as nuvens amadurecem nas árvores
e à noite,
na encosta,
desabrocham estrelas com cheiro de lua.

Wednesday, 22 June 2011

Lugares a dois [Places for two]

...para quem chega vindo de lugar nenhum.

Sunday, 19 June 2011

Saturday, 18 June 2011

Friday, 17 June 2011

Thursday, 16 June 2011

Ninho de beijos-gota [Nest of wet kisses]

... para quem ama como se escrevesse um voo de pássaro.

Monday, 13 June 2011

Arrepio II [Shiver II]

Arrepio linhas, nuas de palavras
e quase  consigo atrever-me  à lucidez.

Thursday, 9 June 2011

O caminho mais longo [The path]

Todos os dias finjo a paz do que finjo não saber.
Amanhã não será diferente.

Tuesday, 7 June 2011

Sunday, 5 June 2011

Friday, 3 June 2011

Thursday, 2 June 2011

A brisa virá. [A gentle breeze will come.]

Hoje vou empurrar o mundo para longe 
                                                   E descansar as mãos e a alma    
                               Na perfeita simplicidade  
                                                                                                                    Do tanto que ainda sobra.